5 soft skills que os colaboradores de suas equipes remotas precisam ter

Conforme as organizações começam a ver sinais de recuperação da interrupção de 2020, as demandas de contratação estão aumentando. A luta pelos melhores talentos ficará ainda mais acirrada e, sem um plano claro para as práticas de contratação, seus concorrentes alcançarão os melhores candidatos antes de você. Com muitas organizações continuando a adotar um formato de trabalho remoto, híbrido ou flexível, é crucial entender as soft skills, competências e habilidades que os trabalhadores remotos precisam para ter sucesso.

Soft Skills importantes para trabalhadores remotos

A contratação baseada nas soft skills e habilidades sociais é mais eficaz do que a maioria das habilidades técnicas para o sucesso de sua equipe. Você sempre poderá treinar funcionários em seus processos e trabalho técnico, mas as habilidades pessoais são inatas e influenciam diretamente o sucesso de sua equipe. Muitas vezes, tais habilidades são colocadas em segundo plano quando se trata de examinar os candidatos. Compilamos uma lista de 5 soft skills que você deve cultivar e encorajar em seus funcionários remotos para garantir a produtividade.

Comunicação. Em um ambiente de trabalho remoto, habilidades de comunicação inadequadas simplesmente não funcionam. Sem a supervisão de um gerente local, os colaboradores precisam dar prioridade a uma comunicação interna consistente e transparente para manter os colegas de trabalho e a administração atualizados e alinhados. Se um de seus funcionários costuma silenciar-se de vez em quando, você precisará abordar os padrões de comunicação.

Autoconsciência. O trabalho remoto oferece uma grande flexibilidade na jornada de trabalho. Sem ninguém gerenciando diretamente o trabalho dos funcionários, os indivíduos precisam administrar suas responsabilidades e emoções por conta própria. Você está percebendo os membros da equipe sofrendo para cumprir os prazos? Certifique-se de que suas expectativas sejam claras e ensine as pessoas a procurar os primeiros sinais de esgotamento. Reconhecer esses sinais logo no início pode colocar as equipes no caminho certo para o engajamento. Os melhores funcionários remotos são aqueles que têm um conhecimento profundo de seus talentos e do seu bem-estar geral.

Gerenciamento de tempo. Seus colaboradores remotos devem ser capazes de equilibrar a flexibilidade de sua empresa, dando a si próprios a estrutura necessária para concluir suas tarefas. Ter horários de trabalho claramente definidos torna mais fácil saber quando você pode obter uma resposta rápida de sua equipe. Seus funcionários remotos precisam ser capazes de governar a si mesmos e cumprir seus prazos. Você precisa se sentir confiante na capacidade de suas equipes de gerenciar suas tarefas sem microgerenciamento.

Tomada uma decisão. Um benefício organizacional do trabalho remoto é que ele oferece uma oportunidade de encontrar futuros líderes fortes. Sua equipe remota deve ser formada por funcionários capazes de tomar suas próprias decisões e apoiá-las. O trabalho remoto oferece mais autonomia, portanto, certifique-se de contratar uma equipe de pensadores inovadores entusiasmados com a iniciativa. Embora algumas tarefas e decisões exijam que os funcionários consultem outros, eles devem ser totalmente capazes de tomar decisões rápidas no dia-a-dia de forma independente.

Flexibilidade. O modo de trabalho viu muitas mudanças recentemente e tudo aconteceu rápido. Funcionários bem-sucedidos conseguiram ficar atentos e se ajustar conforme necessário. As organizações foram forçadas a fazer ajustes rápidos para permanecer lucrativas e seguras. Desde a adoção de um formato de trabalho remoto até a implementação de novas ferramentas de colaboração digital, sua organização provavelmente passou por mudanças significativas e seus funcionários precisam ser flexíveis o suficiente para evoluir com você.

Melhorando as soft skills de suas equipes remotas

Identificar as soft skills e habilidades pessoais que você pretende melhorar em suas equipes remotas é apenas o começo. A criação de oportunidades e programas para ajudar a facilitar esse crescimento manterá seus funcionários engajados e comprometidos com suas funções. Algumas maneiras pelas quais você pode trabalhar para melhorar suas habilidades e de seus colaboradores são:

Invista em um plano de aprendizagem. Seus colaboradores são o seu maior patrimônio e devem ser tratados como tal! É muito mais fácil desenvolver seus funcionários existentes do que contratar novos, portanto, nutrir suas soft skills é do seu interesse. Converse com sua equipe sobre o que eles esperam alcançar em sua carreira e suas aspirações futuras. Não se restrinja apenas a objetivos profissionais – quais habilidades pessoais você também pode desenvolver e aplicar à sua função? Como você planeja refinar essas habilidades?

Investir em um plano de desenvolvimento ajuda a afirmar seu compromisso com o crescimento e oferece estrutura para seus objetivos de desenvolvimento. Treinamentos de desenvolvimento individual são ótimas oportunidades para os funcionários se responsabilizarem por seu crescimento. Eles podem concluir cursos e certificações no ritmo que lhes convém, sem infringir suas atividades e prazos de trabalho. Outra ótima opção é utilizar cursos de desenvolvimento para toda a equipe. Isso permite que você supervisione o crescimento de toda a sua equipe e garanta que todos estejam na mesma página.

Ofereça oportunidades para praticar as habilidades. Vai levar tempo e paciência para refinar as soft skills de sua equipe remota. Seus funcionários estão em constante evolução, assim como seus conjuntos de habilidades. Para crescer na carreira, seus funcionários precisam aproveitar as oportunidades para colocar suas habilidades em prática. Muitas habilidades pessoais transferíveis requerem interação humana e, com o suporte de ferramentas de videoconferência e plataformas sociais, sua equipe ainda pode praticar suas habilidades de comunicação à distância. Permita muitas oportunidades de fornecer feedback, para que você e seus funcionários possam identificar maneiras de melhorar.

Defina expectativas claras. Sua equipe precisa de um plano de ação claro para ter sucesso. Ao gerenciar uma equipe remota, a transparência e a clareza das expectativas e responsabilidades ajudam a manter todos no caminho certo para atingir seus objetivos no local de trabalho. Os funcionários com um conhecimento profundo de suas responsabilidades e como eles atuam no sucesso geral da empresa geralmente estão mais engajados em suas funções. Certifique-se de que todos os membros da equipe tenham acesso a ferramentas de gerenciamento de desempenho para ajudá-los a acompanhar o progresso do trabalho.

Pratique o que você prega. Os melhores líderes são aqueles que dão o exemplo. Se você deseja promover uma cultura ou ética de trabalho específica em sua equipe, seja um modelo de como eles devem se comportar. Comprometa-se a treinar seus funcionários sobre como se responsabilizar e fornecer trabalho de alta qualidade enquanto pratica a autogovernança.

O ano passado nos mostrou que muito mais posições podem ser feitas remotamente do que pensávamos anteriormente. A chave, porém, está em encontrar os funcionários certos que tenham o conjunto de habilidades necessário para serem responsáveis e engajados. Usando o Perfil Caliper, você pode utilizar nossas avaliações de personalidade baseadas na ciência e triagem pré-contratação para garantir que está entrevistando e contratando as pessoas certas para sua empresa. Nossos dados podem ser usados em todo o ciclo de vida do funcionário, incluindo seleção, desenvolvimento, promoção e formação de equipe. Para obter mais informações, entre em contato com nossa equipe de especialistas para ver o que o Caliper pode fazer pela sua empresa!

Engajando e desenvolvendo seus colaboradores remotos


No último ano, 55%* das empresas americanas ofereceram alguma forma de trabalho remoto aos seus colaboradores. Essa flexibilidade adicional nos horários de trabalho foi bem recebida pela maioria dos trabalhadores americanos, com 65%* dos trabalhadores remotos declarando que têm um melhor equilíbrio entre vida pessoal e profissional agora do que quando trabalhavam anteriormente no local.

Mas, o trabalho remoto não é para todos e as estratégias de engajamento de funcionários remotos requerem um pouco de planejamento e estrutura.

Embora a liberdade extra na programação seja boa, alguns colaboradores se sentem isolados ou afastados de sua equipe. Além disso, sem uma estrutura de trabalho remota sólida, os funcionários podem sentir falta de supervisão e responsabilidade. Abaixo, apresentamos três sugestões do que os líderes podem fazer para implementar mais estrutura em suas funções de trabalho para atender aqueles que preferem o escritório.

1. Analise e avalie sua estrutura atual

Provavelmente, sua organização está trabalhando remotamente há um bom tempo nos últimos 12 meses. Embora o trabalho remoto possa ser benéfico para muitas organizações e frequentemente rende taxas de produtividade dos funcionários mais altas, uma hierarquia de trabalho remoto mal estruturada pode desacelerar os negócios e causar frustração. Os líderes precisam avaliar consistentemente a eficácia de suas estruturas de local de trabalho e identificar áreas para melhoria.

Certifique-se de que a estrutura de seu local de trabalho funcione para as funções e operações diárias de suas equipes. Você está fornecendo as ferramentas e os recursos necessários para que seus departamentos de finanças e compras colaborem nos orçamentos? O seu departamento de marketing se sente adequadamente envolvido com a equipe de vendas? A estrutura de sua organização deve ser claramente definida e informada a todas as partes envolvidas. Para ter sucesso em suas funções, suas equipes remotas precisam entender a hierarquia de sua organização. Quando você expressa claramente suas expectativas em relação a seus funcionários, eles sentem mais lealdade e motivação para entregar um trabalho de alta qualidade.

Dica: uma maneira de gerenciar o sentimento de suas equipes é usar pesquisas organizacionais. Esses questionários rápidos ajudarão a esclarecer se sua estrutura e políticas estão funcionando conforme o esperado. Verifique frequentemente com seus funcionários para certificar-se de que você está incentivando um espaço de trabalho de suporte e produtivo.

2. Ferramentas colaborativas de gerenciamento de desempenho

Sem responsabilidade adicional, suas equipes remotas sofrerão. Os locais de trabalho prosperam quando os funcionários entendem claramente as expectativas e podem acompanhar o progresso de suas tarefas em tempo real. Uma ferramenta de gerenciamento de desempenho colaborativa e perspicaz será sua melhor amiga quando se trata de equipes remotas.

Os gerentes precisam ter acesso aos dados para checar se seus funcionários estão permanecendo na tarefa e cumprindo as metas conforme necessário. As ferramentas de gestão de desempenho permitem que os gerentes vejam o progresso de suas equipes, analisem o desempenho com base em dados históricos e avaliem a qualidade e a quantidade de trabalho que seus funcionários podem gerenciar. Mas, apenas ter acesso a essas informações não é suficiente. Os líderes precisam se basear nessas informações para fornecer feedback de desempenho significativo e oportuno.

Não é segredo que os funcionários desejam um feedback consistente de seus empregadores. No entanto, 50%* dos funcionários remotos americanos afirmam que não recebem tanto feedback agora em comparação com quando trabalhavam no local. Os líderes precisam aproveitar as oportunidades para reconhecer o excelente trabalho ou oferecer conselhos sobre como melhorar o desempenho. Isso não apenas reafirma seu interesse no desenvolvimento de seus funcionários, mas também ajuda a prevenir isolamentos no setor. Ao fornecer feedback e conselhos, você pode aumentar o número de novos funcionários engajados para assumir responsabilidades adicionais.

3. Incentive a comunicação informal e a estrutura

Conforme você e sua equipe navegam no trabalho remoto, é essencial criar uma estrutura formal para seus dias. Sua estrutura formal consiste em todas as atividades que são políticas organizacionais oficiais, como reuniões diárias, prazos semanais e a estrutura de liderança de seu negócio. É imperativo criar uma estrutura formal clara e transparente, mas o trabalho não para por aí. As organizações também precisam ter um papel ativo na criação de uma cultura e estrutura informal que incentive conversas e conexões entre os funcionários.

Ao contrário de sua estrutura formal, sua estrutura informal deve ser menos sobre políticas organizacionais e mais sobre construção de relacionamento. Muitos funcionários que trabalharam remotamente citaram sentimentos de solidão. A estrutura informal que você cria em sua organização pode ajudar a reduzir esses sentimentos de isolamento. Ter conversas estruturadas de forma consistente com seus funcionários e colegas de trabalho estimulará o engajamento dos funcionários, aumentando a produtividade no local de trabalho.

Ao observar as estruturas informais do local de trabalho, certifique-se de oferecer amplas oportunidades de comunicação com seus funcionários. Embora essas conversas não precisem ser programadas de forma consistente em sua agenda a cada semana, elas precisam estar disponíveis de forma confiável. Marque um check-in rápido com sua equipe ou agende uma reunião do Zoom para conversar cara a cara. Garanta que seus funcionários tenham acesso e estejam usando plataformas de comunicação interna e aplicativos de mensagens instantâneas para facilitar conversas rápidas com os membros da equipe. A comunicação informal lembra aos funcionários que eles ainda são uma parte essencial de uma equipe maior com objetivos comuns, embora estejam trabalhando remotamente.

Embora os colaboradores tenham expressado seu apreço por ambientes de trabalho flexíveis, você precisa se certificar de que possui uma estrutura robusta e resiliente para manter aqueles que preferem uma experiência individual de engajamento e conexão. Seus funcionários querem se sentir conectados à sua equipe e às metas organizacionais abrangentes e precisam de estratégias remotas de engajamento de funcionários para ajudar. Os líderes precisam garantir que estão fornecendo ferramentas e recursos amplos para facilitar a colaboração e a comunicação. Apoiando-se em ferramentas de gerenciamento de desempenho digital, os líderes podem rastrear facilmente o progresso de suas equipes e lidar com quaisquer desafios ou armadilhas antes que surjam problemas.

Usando nosso Perfil Caliper, os gerentes podem entender melhor os motivadores e as competências de suas equipes remotas. Nossas avaliações com base científica podem ser usadas para fornecer feedback direto, oferecer suporte de coaching contínuo e até mesmo desenvolver habilidades de trabalho. Você está interessado em como a Caliper pode ajudá-lo a refinar o desenvolvimento de seus funcionários e estratégias de coaching? Fale com nossa equipe de especialistas e comece hoje mesmo!

(*Dados levantados pela Caliper Estados Unidos.)