Os maiores sucessos do “Mau Gerente”

Compartilhar
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

A internet adora listas e não faltam listas de “maus administradores” no ciberespaço. De sete sinais de que você é um mau gerente a sete sinais de que você tem um mau gerente, cada um tenta se mostrar mais perspicaz do que o resto.

Usando uma abordagem altamente científica (pesquisa do Google e nossa capacidade de contagem), vasculhamos os sites de negócios populares, fizemos a lista das listas de cada qualidade de mau gerente identificada e as classificamos por frequência de aparecimento. Esses seis “sinais de que você é um mau gerente” apareceram com mais frequência:

  1. Você é hipercrítico com a equipe / grita com as pessoas
  2. Você é excessivamente emocional / reativo
  3. Você leva crédito pelo trabalho de outras pessoas
  4. Você microgerencia sua equipe
  5. Você não dá feedback de desempenho
  6. Você não comunica expectativas

Infelizmente, esta é uma gama abrangente de maus hábitos de gerenciamento. “Você não tem personalidade para gerenciamento” apareceu em apenas um artigo, mas esse engloba quase todas as razões pelas quais alguém é um mau gerente. De qualquer forma, os seis listados acima são os botões de atalho.

Não é surpreendente, já que todos esses hábitos de gerenciamento tendem a provocar reações emocionais negativas semelhantes nos membros da equipe. O problema com essas listas é que elas não falam sobre os custos: rotatividade de funcionários, perda de produtividade e desperdício de recursos. Nem falam sobre como evitar essas qualidades de gerenciamento ruins para início de conversa.

O Coaching pode certamente ajudar, mas antes de contratar uma gerência, é bom olhar para as competências de desempenho que estão conectadas ao sucesso da liderança.

Se o seu candidato a gestão exibe a competência “Maturidade em Liderança”, ele deve ser capaz de superar os dois primeiros desafios de nossa lista de maiores sucessos acima, uma vez que é improvável que ele se torne irracional quando ocorrerem problemas ou quando as pessoas discordarem dele. A competência Delegar trata de compreender os pontos fortes e capacidades de cada membro da equipe e capacitá-los a assumir suas funções. Diga adeus à microgestão e ao consumo excessivo de crédito. Finalmente, um gerente que exibe as competências de Direção e Coaching e Desenvolvimento verá o valor em definir metas e expectativas e fornecer feedback de desempenho construtivo para que os membros de sua equipe saibam o que é necessário para ter sucesso.

Ao contrário dos temores que são inspirados por todos aqueles artigos de “Maus Gerentes”, existem muitos candidatos a empregos por aí que mostram a dinâmica necessária para ficar fora da lista de maiores sucessos de terror acima. Um deles pode ser sua próxima contratação.

Com a avaliação de personalidade realizada pelo Perfil Caliper, você terá acesso às competências de cada avaliado, sabendo de antemão se o candidato a gerente se enquadrará ou não nas famosas listas da internet. Entre em contato agora para saber como podemos ajudá-lo: caliper@caliper.com.br ou (41) 3075-3400. 

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Comentários

Sobre a Caliper

A Caliper Estratégias Humanas é uma empresa americana com sede em Princeton, New Jersey, que há mais de 55 anos avalia o potencial de colaboradores e orienta quanto à contratação, gestão e desenvolvimento de equipes das mais diversas empresas em todo o mundo.

Posts Recentes

Facebook Caliper

Shopping Basket